Primeiro smartphone 4G chega ao Brasil no último trimestre do ano por R$ 1.999,00

Fonte: UOL Notícias
por: Guilherme Tagiarolli

 

Razr HD chega provavelmente em Outubro

A Motorola Mobility anunciou em evento, nesta terça-feira (11), o primeiro smartphone com tecnologia 4G (que permite conexões ultrarrápidas de internet móvel) no país. Chamado de Razr HD, o aparelho começará a ser vendido no quarto trimestre (na primeira semana de outubro) com preço sugerido de R$ 1.999 (desbloqueado).

O Razr HD conta com processador dual-core de 1,5 GHz, 1 GB de RAM, duas câmeras (uma frontal de 1,3 megapixels e uma traseira de 8 megapixels) e tela de 4,7 polegadas Gorila Glass (material de display resistente a quedas e riscos).  O smartphone permite armazenar 16 GB, expansíveis até 32 GB com a instalação de um cartão de memória. A bateria do aparelho é de 2.500 mAh, o que lhe dá uma autonomia de 16 horas em tempo de conversação, segundo a fabricante.

“O aparelho consegue ser utilizado por um dia sem precisar ser carregado”, disse Sérgio Buniac, vice-presidente da Motorola Mobility do Brasil.

O sistema operacional do dispositivo é a versão 4.0 do Android (IceCream Sandwich). No entanto, a fabricante avisou que até o fim do ano será atualizado para a versão 4.1 do Android (Jelly Bean).

No rápido contato da reportagem com o Razr HD, ele se mostrou bem ágil para navegar na internet e no manuseio da tela sensível ao toque. E, mesmo com a tela de 4,7 polegadas, o smartphone é bem ergonômico, ao ponto de não fazer tanto volume quando colocado no bolso.  Do ponto de vista físico, o aparelho, como seu antecessor (Razr Max), não permite a remoção da bateria e apenas aceita chips micro-SIM (um modelo de chip menor que o convencional, que também é utilizado nos iPhones 4 e 4S)

No que diz respeito à interface gráfica, o sistema operacional IceCream Sandwich sofreu poucas alterações comparado ao Razr Max. De novo, há um aplicativo da Motorola chamado GuideMe (Me guie), que mostra para o usuário novato como utilizar o aparelho, e a opção de criar novas áreas de trabalho. Por padrão, o aparelho já vem com uma, mas o usuário pode acrescentar quantas quiser – a utilidade do recurso é não dar margem para que o dono do celular encha todas as áreas com ícones.

Como ainda não há redes 4G (4ª geração de telefonia móvel) disponíveis no país, o aparelho conseguirá navegar em sinais 3G convencionais até que as operadoras iniciem a comercialização de internet móvel 4G. Atualmente, há apenas uso experimental de redes ultrarrápidas. Segundo testes do UOL Tecnologia , a internet 4G atingiu picos de 50 Mbps (Megabits por segundo) com grande oscilação — às vezes, a velocidade máxima caía para 20 Mbps. A previsão é que as companhias passem a vender planos de internet ultrarrápida até abril de 2013.

Barateamento de smartphones

Durante a apresentação, Paulo Bernardo, ministro das comunicações, informou que naspróximas semanas a presidente Dilma Rousseff irá incluir a categoria “smartphones” na MP do Bem, que reduz impostos de aparelhos produzidos no Brasil. “Queremos que o mercado brasileiro volte a ter competitividade e que as fabricantes baseadas no país também possam a importar”, disse o ministro. Após a aprovação, deverão ser feitos decretos que envolve os ministérios da fazenda, desenvolvimento e comunicação para que a baixa de preços tenha efeito.

Segundo Buniac, da Motorola, com a aprovação da MP do Bem para os smartphones, os aparelhos deverão seguir a mesma baixa que os tablets tiveram alcançando uma redução de preço que varia entre 8% e 20%.

Tecnologia 4G

A 4G consiste em padrões de conexão de alta velocidade. No Brasil, a tecnologia escolhida para a implantação desta tecnologia é a LTE (Long Term Evolution), mesmo padrão utilizado em países europeus. Com essa tecnologia, a velocidade nominal que a internet móvel pode chegar beira os 100 Mbps (Megabits por segundo).

O governo brasileiro estabeleceu que as operadoras devem ter redes 4G implementadas nas cidades-sede da Copa das Confederações (torneio de seleções que ocorre um ano antes da Copa do Mundo) até abril de 2013.

Leave a Reply